domingo, abril 13, 2008

aMoR AmOr

Segredos selados
nos lábios cerrados
malícia e sorrisos guardados
vejo mistérios secretos
suspiros sinceros
sentido aguçado
almas ligadas
amor encarnado

sim, entendo
o aMoR que virou AmOr

coisa de gente grande



Débora Linden Hübner
Abril de 2008.

Um comentário:

Lidi disse...

Débi querida!

lindo o teu blog.

Não há nada mais contraditório que o amor. Ele é coisa de gente grande. Ainda não consigo entende-lo.

Beijão